Geral

PCR suspende pagamento na Saúde e faz nova dispensa de milhões‏. É o fim da festa?

PCR suspende pagamento na Saúde e faz nova dispensa de milhões‏. É o fim da festa?

27/09/2012 12:04

Da Redação

 

Uma semana depois de uma dispensa de licitação no valor de R$ 200 mil para beneficiar uma das  empresas do seu consultor, Antonio Lavareda, dono de vários negócios com a Prefeitura do Recife, dessa vez foi a Secretaria de Educação  continuar o chamado “fim de festa” da administração de João da Costa. Agora, , são cerca de R$ 2,33 mihões, que de acordo com o próprio Diário Oficial, foram repassados sem qualquer concorrência pública para a empresa Eletroway Comercio e Serviços Ltda. A empresa, já tinha sido beneficiada antes e a nova dispensa reabriu os olhos de auditores do TCE que já tem várias denuncias de irregularidades na pasta, comandada pela professora Ivone Caetano, ligada ao grupo político do prefeito.

Não é por acaso que a  PCR insiste em comprar material de limpeza para a rede municipal de ensino sem licitação, desde outubro do ano passado beneficiando sempre a mesma empresa distribuidora. Dessa vez, são R$ 2,33 milhões comprados da Eletroway. Dentre as compras, destacam-se 39 mil tubos de pasta dental, 194,5 mil litros de água sanitária e 74 mil unidades de sabonete. Enquanto isso, na Secretaria de Saúde, que antes era ocupada por Gustavo Couto ligado ao candidato do PT, Humberto Costa, que está rompido com o prefeito a ordem foi clara: nenhum fornecedor recebe até o final das eleições. A ordem teria partido do prefeito como forma de minguar ainda mais as eventuais contribuições de fornecedores da pasta para a campanha do senador.

 

Opine e entre na discussão